Os guardas municipais de Hortolândia estão aguardando novos uniformes, já que há cinco anos a troca não é feita. A Prefeitura abriu no mês passado um pregão para oferecer novos uniformes aos guardas municipais da Romu, mas ainda não há nenhuma sinalização referente à troca dos demais Gm’s.

Para a ASPH (Associação dos Servidores Públicos de Hortolândia), a troca dos uniformes vai além de um benefício concedido ao servidor, é um instrumento de trabalho, que, ao ser negligenciado, afeta diretamente os serviços oferecidos à população. Grande parte dos uniformes utilizados pelos guardas estão desgastados.

Além dos uniformes, os guardas também aguardam progressão no plano de carreira, além de mais investimentos em viaturas e armamentos, que são incompatíveis com o aumento da criminalidade na cidade.